Cirurgia Plástica e Estética

Quais os tipos de Lipo?

Publicado por Thuane Kuchta on 3/ago/2018 17:25:00

A Lipoaspiração é de longe a cirurgia plástica mais realizada, desejada e comentada de todos os tempos. Não é a toa que recebeu várias versões, desde de Mini Lipo à Laser. Mas diante de tantas opções para conquistar uma silhueta melhor, surge a dúvida: Qual o melhor tipo de Lipo para mim? Qual a diferença entre eles? Pois bem, vou tentar aqui esclarecer estas dúvidas.

Tipos de Lipoaspiração

O termo Lipoaspiração se refere a uma especialidade da cirurgia plástica, que retira a gordura por aspiração através de uma cânula. Logo, toda cirurgia que retira gordura por meio de uma cânula é uma Lipoaspiração.

A partir dessa técnica que trata a gordura localizada da barriga surgiram outras variantes, entre elas:

Lipoescultura

É uma Lipoaspiração em que se aproveita a gordura retirada para enxertar em outro local, geralmente para aumentar o volume, modelar ou reduzir vincos e depressões. Muito frequente são os enxertos de gordura nos glúteos ou na face.

Como é feita: Para ser enxertada, a gordura passa por um preparo de lavagem, decantação e, às vezes, centrifugação.

Parte do enxerto é absorvida, em torno de 50%, mas o que fica é bem aceito pelo organismo, e dificilmente dá problemas. A gordura enxertada se comporta como a gordura da área doadora e pode aumentar no caso do paciente engordar ou reduzir, no caso de emagrecimento.

Vibrolipoaspiração

É muito útil no caso de pacientes com gordura mais densa e nos casos de segunda Lipoaspiração, quando a gordura apresenta traves de fibrose dificultando a penetração da cânula - Eu, particularmente, sempre uso o Vibrolipoaspirador para a retirada da gordura.

Como é feita: É realizada por uma cânula vibratória. A vibração da cânula, quebra a resistência da gordura e facilita a penetração e aspiração. Os movimentos feitos podem ser mais leves, suaves e lentos, com maior controle, menor trauma e sangramento, o que leva a uma melhor recuperação.

tipos-de-lipoaspiracao

Lipoaspiração a Laser

A Lipo a laser tem como diferencial o auxílio de um equipamento de laser que tem a finalidade de derreter a gordura localizada.

Como é feita:  Uma cânula com laser na ponta é introduzida para queimar a gordura antes desta ser retirada. A liquefação da gordura e o calor emitido pelo laser, facilitam e reduzem o trauma na retirada, reduzem o sangramento por queimar pequenos vasos sanguíneos, e proporcionam uma melhor retração da pele, reduzindo o risco de uma maior flacidez de pele pós-lipo.

Nos casos de flacidez moderada ou intensa, o laser não evita a retirada de pele para tratar a flacidez. É importante notar que a gordura liquefeita precisa ser retirada do organismo por outra cânula aspirativa, que pode ser pela técnica tradicional ou pela Vibrolipoaspiração.

Como o laser destrói as células, a gordura retirada da lipoaspiração a laser não é ideal para enxertar em uma lipoescultura, pois a absorção seria muito maior que o usual.

Lipo Ultrassônica

Muito semelhante à Lipo a Laser, mas a cânula usada emite ondas de ultrassom na ponta. Também muito eficaz para dissolver a gordura e facilitar a sua retirada, com menor sangramento, menor trauma, menos dor na recuperação e maior retração da pele.

Como é feita: A gordura liquefeita precisa ser aspirada por uma cânula tradicional ou por vibrolipoaspiração. Como a ponta da cânula da Lipo ultrassônica é maior que a Lipo a Laser, dissolve a gordura com maior velocidade. O risco de queimadura também é menor se comparado ao uso do laser.

Minilipo, Lipo Light ou Hidrolipo

tipos-de-lipo-1

Apesar de não serem nomes técnicos, a mídia difunde muitos tipos de Lipoaspiração com anestesia local como se fossem uma técnica específica e diferente. No fundo, são todas Lipoaspirações tradicionais realizadas com anestesia local, com paciente acordado e em pequenos volumes e regiões.

Como são feitas: Realizadas de forma semelhante a Lipo tradicional. Normalmente feitas na parte interna dos joelhos e coxas, culotes, cintura, papada e abdômen. Não exigem repouso nem internação, são menos doloridas e deixam menos hematomas.

Lipoaspiração de Alta Definição

Entre os tipos de Lipoaspiração, essa é a que se tenta esculpir a gordura de forma a mimetizar o desenho de uma musculatura bem desenvolvida, definir o “abdômen em tanquinho”.

Apesar da mídia divulgar como uma maravilha, vale ressaltar, que mesmo que seja bem feito o contorno, uma gordura nunca será igual ao músculo definido, visto que a gordura é mole e não contrai, ao passo que a musculatura é rígida e contrai.

O risco de irregularidades e assimetrias caso o paciente engorde depois da lipo também é maior. Melhor fazer a Lipoaspiração para reduzir a gordura e tentar definir a musculatura com exercícios.

Quem pode fazer

Qualquer uma das técnicas de Lipoaspiração citadas podem ser feitas em pessoas com mais de 18 anos que possuem gordura localizada em alguns locais do corpo, em grau leve a moderado - não podendo, por isso, ser utilizada como forma de tratamento para a obesidade, por exemplo.

Alguns dos locais mais comuns a serem tratados são a barriga, as coxas, as laterais da mama, os flancos, os braços e a papada, mas todos os locais podem ser tratados.

Conclusão

cirurgia-plastica-e-autoestima

Tanto as mulheres quanto os homens, estão em busca de maneiras de como perder gordura localizada e conquistar uma silhueta mais harmoniosa. Como vimos, a Cirurgia Plástica está aí apenas para ajudar com opções que melhoram o contorno corporal, e ajudam a trazer aquela segurança e autoestima de volta!

Dê um Upgrade no seu visual. Você merece!

Clique aqui e leia mais sobre Lipoaspiração. 

Conheça meu perfil e acompanhe meu trabalho nas redes sociais. 

Topics: Lipoaspiração